Witzel lamenta morte de Ágatha, mas diz que “política de segurança pública é um sucesso”.

Por Juliana Barbosa

Levou 72 horas para o governador do Rio, Wilson Witzel, se pronunciar sobre a morte de Ágatha Vitória Sales Felix, uma criança de 8 anos que foi brutalmente assassinada por um tiro de fuzil, nas costas, durante uma ação policial.

A criança foi atingida quando estava com o avô em uma kombi na favela Fazendinha, no Complexo do Alemão, onde a família mora.

E o que faz Witzel?

Em entrevista coletiva, nesta segunda-feira(23), no palácio Guanabara, o governador diz que a “política de segurança pública é um sucesso”.

Faz da morte palanque eleitoral.

Durante o enterro da menina, neste domingo(22), em Inhaúma, na Zona Norte do Rio de Janeiro, um policial militar agrediu Felipe Gomes, organizador do Marcha das Favelas. O integrante do Movimento Brasil Livre (MBL) Gabriel Monteiro, deu um soco contra o jovem durante uma discussão.

Mesmo assim, em meio ao caos, o governador afirmou que os “usuários de drogas ajudaram a apertar o gatilho”.

NÃO!

Ágatha foi morta pelo Neofacismo. Pela Necropolítica. Os culpados são as autoridades estaduais e federais que incentivam ações violentas da polícia e das milícias contra a população preta e pobre.

Além de Agatha, Kauan Peixoto, de 12 anos, Kauan Rosário, de 11 anos, Kauê Ribeiro, de 12 anos, e Jenifer Cilene, de 11 anos, não resistiram aos ferimentos causados por balas perdidas que, “coincidentemente”, encontraram corpos negros.

O inferno é aqui.

“Somos descendentes de gente que chicoteava negros e índios com uma mão e com a outra segurava um terço”.

Hoje, a sociedade assiste ao genocídio da população preta fazendo arminha com a mão, e com a outra, recita a Bíblia.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s